Conecte-se Conosco

Goiás

Prefeitura de Aparecida amplia vacinação para profissionais da educação

Compartilhe na suas Redes Sociais

Prefeitura estará imunizando trabalhadores de 55 a 59 anos contra a Covid-19 mediante agendamento e apresentação de contracheque que ateste atuação

RDP

Publicado

em

Compartilhe na suas Redes Sociais

A partir desta terça-feira, 25/05, trabalhadores da educação de Aparecida de Goiânia com idade de 55 a 59 anos poderão se vacinar contra a Covid-19 no município mediante agendamento e comprovação de atuação da atividade.

A ampliação contemplará os dois grupos da categoria definidos no Programa Nacional  de Imunização: profissionais tanto da educação básica quanto superior que atuam na cidade e o agendamento deve ser feito através do aplicativo “Saúde Aparecida”.

A Prefeitura informa que no dia e horário marcado, o trabalhador da educação deverá apresentar documento de identidade, CPF ou Cartão SUS, comprovante de endereço e contracheque atestando a atuação. Os locais de vacinação para quem agendar são as Unidades Básicas de Saúde dos setores Andrade Reis, Jardim Olímpico, Bairro Cardoso, Jardim Florença e Veiga Jardim e a Central Municipal de Imunização.

“Inclusive, como o acesso ao aplicativo se dá pelo número do Cartão SUS, quem trabalha aqui, mas mora em outro município caso não consiga realizar o agendamento poderá ser vacinado na Central de Imunização, sem marcação prévia”, informou a coordenadora de Imunização de Aparecida, Renata Cordeiro. A Central está localizada na Rua São Domingos, nº 100, Centro.

Grupos prioritários

Além dos novos grupos do PNI, a vacinação de pessoas com comorbidades ou com deficiência permanente acima de 18 anos, incluindo pessoas com síndrome de down e pessoas com doenças neurológicas crônicas, continua na cidade. O serviço está disponível para elas por meio de agendamento pelo “Saúde Aparecida” e também nos drive-thrus da Cidade Administrativa e do Centro de Especialidades. Nestes casos, sem necessidade de agendar previamente.

Gestantes e puérperas com comorbidades acima de 18 anos também continuam sendo imunizadas mediante agendamento pelo aplicativo “Saúde Aparecida” e com prescrição médica.

Para comprovar a deficiência permanente e ter acesso à vacinação contra a Covid-19, esse grupo pode apresentar: laudo médico que indique a deficiência; cartões de gratuidade no transporte público que indiquem condição de deficiência; documentos comprobatórios de atendimento em centros de reabilitação ou unidades especializadas no atendimento de pessoas com deficiência; documento oficial de identidade com a indicação da deficiência ou qualquer outro documento que indique se tratar de pessoa com deficiência.

Já aqueles que têm comorbidades devem comprovar a condição por meio de laudo médico. A Secretaria de Saúde criou um modelo padrão de formulário a ser utilizado no município para atestar as comorbidades. Contudo, qualquer laudo médico simples também é aceito, desde que emitido há no máximo um ano e que conste o nome completo do paciente, comorbidade descrita e assinatura do médico, com o respectivo carimbo.

A vacinação das pessoas com comorbidades contempla: diabetes mellitus; pneumopatias crônicas graves; Hipertensão Arterial Resistente (HAR); Hipertensão arterial estágio 3; Hipertensão arterial estágios 1 e 2 com lesão em órgão-alvo e/ou comorbidade; Insuficiência cardíaca (IC); Cor-pulmonale e Hipertensão pulmonar; Cardiopatia hipertensiva; Síndromes coronarianas; Valvopatias; Miocardiopatias e Pericardiopatias; Doenças da Aorta, dos Grandes Vasos e Fístulas arteriovenosas; Arritmias cardíacas; Cardiopatias congênita no adulto; Próteses valvares e Dispositivos cardíacos implantados; Doença cerebrovascular; Doença renal crônica; Imunossuprimidos; Anemia falciforme; Obesidade mórbida; Síndrome de down; e Cirrose hepática. A Campanha contempla ainda pessoas com doença neurológica crônica e com doenças raras que impliquem em maior risco para o desfecho da Covid-19.

Confira os locais de vacinação da cidade:

Primeira dose

* Trabalhadores da educação de 55 a 59 anos e gestantes e puérperas com comorbidades e acima de 18 anos de idade – vacinação exclusivamente mediante agendamento pelo aplicativo “Saúde Aparecida”.

* Trabalhadores da educação de 55 a 59 que atuam em Aparecida mas moram em outros município podem procurar a Central de Imunização sem necessidade de agendamento.

* Pessoas em situação de rua de 18 a 59 anos de idade;

* Pessoas com comorbidades acima de 18 anos e pessoas com deficiência permanente com mais de 18 anos de idade, sem necessidade de agendamento:

– Drive-thru da Cidade Administrativa Luiz Alberto Maguito Vilela (de segunda à sexta-feira, das 8h às 18h);

– Drive-thru do Centro de Especialidades, no Jardim Boa Esperança (de segunda a sexta-feira das 8h às 18h).

* Com agendamento prévio pelo aplicativo “Saúde Aparecida”;

*  UBSs dos bairros Andrade Reis, Bairro Cardoso, Jardim Olímpico, Jardim Florença e Veiga Jardim (de segunda à sexta-feira, das 8 às 17 horas)

– Central Municipal de Imunização (Rua São Domingos, nº 100, Centro)

Segunda dose

* Sem agendamento prévio e levando documento de identidade, CPF ou cartão SUS e cartão de vacinação:

– Drive-thru do Centro de Especialidades (de segunda à sexta-feira, das 8 às 18 horas, e aos sábados das 8 às 17 horas)

– UBSs dos bairros Andrade Reis, Bairro Cardoso, Jardim Olímpico, Jardim Florença e Veiga Jardim (de segunda à sexta-feira, das 8 às 17 horas)

* A segunda dose da Coronavac será aplicada exclusivamente no Drive-htru do Aparecida Shopping e na Central Municipal de Imunização (de segunda a sábado, das 9 às 16 horas). Não é necessário agendar.

Publicidade
Clique Para Comentar

Deixe uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Mais Lidas da Semana