Conecte-se Conosco

Brasil

Barroso defende controle das redes sociais para ‘proteger a democracia’

Compartilhe na suas Redes Sociais

Presidente do TSE argumentou a favor da regulamentação de plataformas digitais.

RDP

Publicado

em

Tânia Rêgo | Agência Brasil
Compartilhe na suas Redes Sociais

O presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), ministro Luís Roberto Barroso, voltou a defender nesta terça-feira (26) a regulamentação de plataformas digitais. A justificativa para a ideia, segundo ele, é combater “desinformações que comprometem a democracia”.

“Precisamos enfrentar a desinformação, sobretudo quando ela ofereça grave risco para a democracia ou para a saúde”, declarou, citando como exemplo a recente declaração do presidente Jair Bolsonaro que relaciona vacinas contra Covid-19 a eventuais casos de desenvolvimento do vírus da imunodeficiência humana (HIV).

Para Barroso, é “preciso ter algum tipo de controle de comportamentos, conteúdos ilícitos e da desinformação que ofereça perigos para valores caros da sociedade como a saúde e a democracia”.

As declarações do magistrado foram proferidas durante um evento internacional sobre desinformações e eleições, patrocinado pelo TSE.

Clique Para Comentar

Deixe uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Mais Lidas da Semana