Conecte-se Conosco

Brasil

Bolsonaro veta ex-secretário de Doria em cargo no governo

Compartilhe na suas Redes Sociais

Alexandre Baldy ocuparia cargo de articulação política no Ministério da Economia

RDP

Publicado

em

João Doria ao lado de Alexandre Baldy Foto: Divulgação/CPTM
Compartilhe na suas Redes Sociais

O presidente Jair Bolsonaro decidiu vetar o nome do ex-secretário dos Transportes do governo de João Doria em São Paulo, Alexandre Baldy (PP-GO), para um posto de articulação política dentro do Ministério da Economia. A informação foi revelada por fontes do governo a diversos veículos de imprensa.

A pasta do ministro Paulo Guedes deve anunciar nesta semana algumas mudanças, que incluem a troca de dois secretários e a criação de uma nova secretaria dentro do ministério. Nesta reestruturação, estaria a ida de Baldy para um cargo de assessor especial de Guedes, cuja responsabilidade seria cuidar da relação com o Congresso Nacional.

O presidente Jair Bolsonaro, porém, não aceitou o nome do político pelo fato de ele ter sido secretário de Transportes em São Paulo, no governo João Doria, que é adversário político do presidente e pré-candidato ao Palácio do Planalto pelo PSDB. Baldy também aparece como pré-candidato ao Senado em Goiás, onde Bolsonaro tem a intenção de emplacar outro nome.

Vale lembrar que Alexandre Baldy, que também foi deputado federal por Goiás e ministro das Cidades no governo do ex-presidente Michel Temer, chegou a ser preso em agosto de 2020 por atos suspeitos antes de assumir a pasta no governo de São Paulo. Segundo a investigação, Baldy usou da influência dos cargos de deputado e ministro para intermediar contratos sobre os quais ganharia um percentual.

Clique Para Comentar

Deixe uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Mais Lidas da Semana