Conecte-se Conosco

Brasil

Fiuza: Estamos vendo o Brasil se tornar uma ditadura

RDP

Publicado

em

Compartilhe na suas Redes Sociais

Colunista da Revista Oeste criticou a decisão do STF de formar maioria pelo passaporte da vacina para viajantes vindos do exterior

O colunista Guilherme Fiuza criticou a exigência do passaporte da vacina para viajantes vindos do exterior. O Supremo Tribunal Federal (STF) chancelou a liminar concedida à Rede pelo ministro Luís Roberto Barroso.

“Trata-se de uma decisão ditatorial e intolerável num Estado Democrático de Direito”, afirmou Fiuza, durante o programa Os Pingos nos Is, da rádio Jovem Pan. “O STF está provocando a sociedade e chamando-a à desordem”.

Fiuza disse que o entendimento da Corte é “exacerbação aviltante aos direitos da população”. “O passaporte da vacina não é um bloqueio sanitário”, constatou. “Onde está a razão para essa decisão dos ministros? E o Direito?”

“Nós estamos observando também que os riscos associados às vacinas não estão completamente estudados”, observou Fiuza. “Barroso e seus pares estão empurrando a população para um experimento”, disse.

Para o jornalista, o Brasil está caminhando para se tornar uma ditadura. “Olhe à sua volta”, afirmou. “Se você não enxergar, talvez seja tarde. Essa ditadura sanitária que está aí é um escândalo. Trata-se de um crime”.

O colunista disse ainda que a imprensa tradicional é omissa quanto aos atos do STF. “O consórcio de veículos de imprensa não vê problemas”, observou. “Grandes jornalistas estão sancionando isso tudo”.

Publicidade
Clique Para Comentar

Deixe uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Mais Lidas da Semana