Conecte-se Conosco

Famosos

Mendigo processa Deolane Bezerra por calúnia

RDP

Publicado

em

Compartilhe na suas Redes Sociais

Ex de Mc Kevin declarou estar com ‘ranço’ de ‘mendilover’

O morador de rua Givaldo Alves decidiu processar a influenciadora digital e advogada Deolane Bezerra, viúva do Mc Kevin, por calúnia, após ela criticá-lo por ter relações sexuais com uma mulher em surto psicótico. Em suas redes sociais, ele compartilhou uma imagem da petição feita contra a influencer no Tribunal de Justiça do Estado São Paulo. A ação ocorreu após Deolane declarar, na última terça, estar com “ranço” do homem e acrescentou que o “mendilover”, como ficou conhecido nas redes, “ajudou a afundar uma mulher”, referindo-se a Sandra Mara Fernandes, de 33 anos, com quem ele teve relações sexuais.

Em seu perfil em uma rede social, Deolane escreveu: “nojo de entrar na internet e ver pessoas dando audiência pra esse mendigo. A “fama” dele é às custas de uma mulher que está internada numa clínica psiquiátrica, não dá pra acreditar que tem gente aplaudindo isso”. Ela chegou a dizer ainda que as pessoas estão tratando Givaldo “como se ele tivesse salvado alguém da morte” e criticou a atitude de mulheres que encontram o homem e o recepcionam com “beijos e abraços”.

— Vamos raciocinar, pensar na vida, a mulher está até agora transtornada numa clínica psiquiátrica, e esse cara dando risada. Um monte de mulherada linda, beijando, agarrando. Credo. Me julguem — disse a influenciadora.

Mulher de um personal trainer, Sandra, de acordo com laudo médico, estava em surto psicótico quando teve relaçoes sexuais com Givaldo, em Planaltina (DF). Uma investigação policial tenta saber se o morador de rua abusou sexualmente da mulher ao perceber seu estado psíquico. O marido Eduardo Alves, por sua vez, espancou Givaldo.

Publicidade
Clique Para Comentar

Deixe uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Mais Lidas da Semana